Blog Um Ser Pensante

expondo o que pensa e sente, enquanto vive...

fixo

Quem tem medo de um ser pensante?

Sou sério mas também sou legal
Sou sério mas também sou legal, não precisam ter medo :-)

Não sei em que me basear para afirmar isso, mas em geral diz-se que, quanto mais uma pessoa é dedicada a pensar, entender, refletir, analisar… mais ela tende a ser solitária

— com exceção de alguns filósofos da Grécia Antiga, que viviam cercados de seus discípulos.

Essa observação não se aplica apenas a grandes e famosos pensadores da história, mas também a pessoas do nosso dia a dia. Um jovem absorto em um livro na mesa da biblioteca da escola, um colega ou parente que fala pouco e raramente aparece em festas e situações sociais em geral. Alguém que passa o intervalo da faculdade ou o horário de almoço no refeitório comendo sozinho. Você. Eu. Alguém.

Temperamento/personalidade? Timidez? Prepotência? Uma fase? Ela quer mesmo estar assim? Ela quer que você se importe com isso?

Bom, isso tem de ser analisado caso a caso. Mas uma coisa é certa: não é a primeira vez que alguém, ao se aproximar de mim, seja pessoalmente, seja na internet — quanto passamos a conversar em privado no Live Messenger ou Facebook, por exemplo — referem-se a um medo inicial, seja por achar que seu conteúdo não é tão valoroso quanto o que exponho aqui, ou até mesmo ficam corrigindo suas falas o tempo todo achando que eu vou ficar reparando em erros de Português :-)

Que isso pessoal?! Sem essa!! Eu sou do povo! Sou um de vocês! Sou simples! Pode chegar e conversar! Perguntar, discordar (sem ofensa, claro)… nossa, eu não sabia que causava essa reação nas pessoas… devo ter perdido até algumas possíveis namoradas esse tempo todo rsr…

Caros, como eu digo no início do blog: esta página é um convite! Posso ser meio duro e sarcástico às vezes, mas pra que eu iria expor minhas ideias, pensamentos, sentimentos num blog se não fosse para contactar outras pessoas, passar um pouco de mim a elas (a vocês!), fazer amizades e aí ter a oportunidade de aprender com vocês também.

Amigos: podem me escrever a vontade, eu não fico reparando erro de Português e não julgo as pessoas por eles; eu não sou nada além do que uma pessoa igual a você… talvez eu tenha nascido com uma formiguinha a mais dentro do cérebro, talvez eu tenha tido mais oportunidade e curiosidade pelos tais “assuntos sérios”, mas do que serve o que aprendi se eu não quiser passar para outros, não comparar com o conteúdo de vocês e chegarmos juntos a novas ideias (e novas perguntas)?

Fiquem certos de uma coisa: se você gosta desse blog, gosta do conteúdo, se interessa por ele e, consequentemente, sente que tem uma certa afinidade com o autor, não há motivo para ter medo de um ser pensante; nenhum receio a meu respeito.

Muito pelo contrário. “O Espírito diz: Vem!”

Muito Amor e Conhecimento a vocês :-)

Um ser pensante

3 comments
Paula Beluzo
Paula Beluzo

"referem-se a um medo inicial, seja por achar que seu conteúdo não é tão valoroso quanto o que exponho aqui," é vero... ;/